sexta-feira, 18 de março de 2011

Diferença entre o Neolitico e o Paleolitico!.. e o que tem de mais recente sobre esses períodos.

Paleolítico (pedra antiga), também conhecido como Idade da Pedra Lascada ou período da selvageria, é um período pré-histórico correspondente ao intervalo entre a primeira utilização de utensílios de pedra pelo homem (cerca de 2 milhões de anos atrás) até ao início do Neolítico (cerca de 10 mil a.C.).

No Paleolítico, os homens eram essencialmente caçadores e coletores, apresentando uma economia de subsistência, tendo que se deslocar constantemente (nômades).

Este grande período histórico subdivide-se em Paleolítico Inferior (até há 300 mil anos atrás) e Paleolítico Superior (até 10 mil a.C.). (Na Europa e em locais onde houve glaciações, entre o Paleolítico e o Neolítico intercala-se o chamado Mesolítico.) O Paleolítico coincide com o final da época geológica Pleistocena do período geológico Neogeno. Há certa discordância entre estudiosos quanto a essa divisão, sendo que alguns intercalam um Paleolítico Médio entre o Inferior e o Superior.

O termo Paleolítico foi empregado pela primeira vez pelo historiador John Lubbock. Antes do Paleolítico houve um período pré-histórico que alguns historiadores chamam de Eolítico.

O Paleolítico é o período do desenvolvimento de instrumentos de caça, feitos em madeira, osso ou sílex.

O Neolítico, também chamado de Idade da Pedra Polida (por causa de alguns instrumentos, feitos de pedra lascada e pedra polida), é o período da Pré-História compreendido aproximadamente entre 12000 a.C. e 4000 a.C. Durante este período surge a agricultura, e a fixação inerente ao cultivo da terra provoca o sedentarismo (moradia fixa em aldeias) e o desenvolvimento da vida em sociedade, também o surgimento de brigas entre os povos, assim como o regresso cultural e o aumento da população produtora de sebo suíno.

As primeiras aldeias são criadas próximas a rios, de modo a usufruir da terra fértil (onde eram colocadas sementes para plantio) e água para homens e animais. Também neste período começa a domesticação de animais (cabra, boi, cão, dromedário, etc). O trabalho passa a ser dividido entre homens e mulheres, os homens cuidam da segurança, caça e pesca, enquanto as mulheres plantam, colhem e educam os filhos. A disponibilidade de alimento permite também às populações um aumento do tempo de lazer e a necessidade de armazenar os alimentos e as sementes para cultivo leva à criação de peças de cerâmica, que vão gradualmente ganhando fins decorativos.

Surge também o comércio, o dinheiro, que facilita a troca de materiais, e que era, na época, representado por sementes. Estas sementes, diferenciadas umas das outras, representam cada tipo, cada valor. Uma aldeia, ao produzir mais do que o necessário e, para não perder grande parte da produção que não iria ser utilizada, troca o excesso por peças de artesanato, roupas e outras utensílios com outras aldeias.
Fonte(s):
http://pt.wikipedia.org/

Marcadores:

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial